Igrejas sem Visão Missionária!

Através da graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo, nós confiamos em um Deus trino, a quem adoramos e servimos.

Deus vem a nós em favor, livre e imerecido , na pessoa de Jesus Cristo, que viveu, morreu e ressuscitou por nós para que pudéssemos pertencer a Deus eternamente, através de um relacionamento sincero com Ele, demonstrado no serviço a Cristo no mundo. Seguindo Jesus, nós estamos engajados no mundo e na procura de soluções pensadas para os desafios do nosso tempo. Como discípulos de Cristo, chamados para o ministério, nós procuramos continuar sua missão de ensinar a verdade, alimentar os famintos, tratar dos quebrantados, e explanar sua palavra para aqueles que ainda não tem um relacionamento com Ele e, não conhecem o único caminho. Deus envia o Espírito Santo para habitar em nós , dando-nos a energia, inteligência, imaginação e amor para sermos fiéis discípulos de Cristo no mundo.

“Lucas relata que Jesus, depois de ressuscitar, reuniu seus discípulos e falou-lhes duas coisas. A primeira foi que o Antigo Testamento ensinava claramente que o Messias tinha de morrer e ressuscitar. Em seguida, acrescentou que o Evangelho seria pregado a todas as nações”. (Russell P. Shedd)

A ordem de fazer missões é muito clara no Novo Testamento, porém Jesus buscou no Antigo Testamento a base para essa declaração. Não queremos fazer um estudo exaustivo sobre missões no Antigo Testamento, por isso citaremos apenas alguns textos que falam claramente a importância de missões para Deus:

Gênesis 12.1-3: Dupla ordem para Abraão – “Sai da tua terra” e “Seja uma benção”

Gênesis 50.15-21: “Deus abençou José, para que ele pudesse abençoar outras pessoas”

Deuteronômio 4.5-8: Moisés mostra claramente uma dupla responsabilidade – “Bençãos por ser o povo escolhido” e de “abençoar as nações”

Somente esses três textos já nos mostram o suficiente da importância de Missões para Deus, mas nossas Igrejas expressam não entender essa verdade, nem outras que existem na Bíblia falando da importância que missões tem para Ele. Igrejas que dão valores a outros eventos e esquecem da prioridade de Deus que é Missões. Isso sem levarmos em conta a questão financeira, pois, seria ainda mais desastroso e de evidente desobediência. Estamos falando do cuidado que nossas Igreja tem tido com essas pessoas que tem sido chamadas à largar seu trabalho, sair do seu conforto para que outras pessoas ouçam sobre o amor de Deus e sua obra maravilhosa na Cruz por nossas vidas.

Não podemos deixar que nossas Igrejas negligenciem algo tão importante para Deus, temos que trabalhar para isso mudar, nós que estamos nos preparando para o ministério, temos que nos conscientizar e mudar essa história. Devemos procurar estratégias para que Deus mude, através de nós, o ministério de missões em nossas Igrejas, para que possamos cuidar melhor das pessoas, que Deus tem separado para pregar Sua Palavra em todas as nações.

Será que nossos Pastores estão pastoreando nossos Missionários? Que tipo de cuidado temos com nossos missionários? Ou será, que só queremos enviar, mas, eles que se virem? Terceirizamos missões?

Anúncios